Novo

recent

Recente

recent

Tudo sobre o single Cry - Michael Jackson (2001)


Em 3 de dezembro de 2001, Michael Jackson lançava o single "Cry", como segundo do álbum "Invincible". A canção foi lançada na Europa ao mesmo tempo em que "Butterflies" foi lançada na América. A canção é a segunda de R. Kelly gravada por Jackson, que anteriormente tinha gravado "You Are Not Alone" e posteriormente "One More Chance".

Assim como "You Rock My World", "Cry" sofreu ainda mais com a briga de Jackson com a direção da Sony Music. Lançada em dezembro de 2001, seu desempenho não foi satisfatório, algo como o que houve em 1988, onde o clipe da canção Man in the Mirror com falta de airplay em que o astro nem aparece. 
A faixa esteve no Top 75 por apenas 4 semanas e seu single vendeu apenas 20.000 cópias nos Estados Unidos e 600.000 mundialmente.

O vídeo de Cry foi dirigido por Nicholas Brandt, que tinha trabalhado com Michael em três vídeos do álbum HIStory: Earth Song, Childhood e Stranger in Moscow. Michael recusou-se a fazer o clipe, devido a sua briga com a Sony. O vídeo então foi lançado sem a participação de Michael. A montagem de cenas foi no estilo de Man in the Mirror e Heal The World, no qual Michael não aparece.

A produção do videoclipe de Cry escolheu seis locais diferentes dos Estados Unidos para filmagem. Em Squaw Valley, 400 pessoas foram chamadas, já em Mare Island Bridge, na Califórnia foi preciso ajuda policial para parar o tráfego na ponte, por um período de 6 horas. Outros locais para a gravação do clipe foram em São Francisco, na praia de Pescadero onde participaram mais de 150 figurantes. A Floresta Nacional de Redwood localizada em San Mateo também foi um cenário organizado por uma equipe de 75 pessoas entre produtores e técnicos.

O videoclipe de Cry

Tudo sobre o single Cry - Michael Jackson (2001) Reviewed by Tiago on 11:00 AM Rating: 5

Nenhum comentário:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.